SINISTER VINYL COLLECTION: THE YARDBIRDS – ROGER THE ENGINEER (1966)

Banda: The Yardbirds

País: United Kingdom  

Álbum: Roger the Engineer

Ano de lançamento: 1966

Formação: Keith Relf (vocal e harmônica), Jeff Beck (guitarra principal, baixo e vocal), Chris Dreja (guitarra rítmica e vocais), Paul Samwell-Smith (baixo e vocais) e Jim McCarty (bateria e percussão).

Produção: Paul Samwell-Smith e Simon Napier Bell

Ilustrações: Chris Dreja

Gênero musical: Rock / Blues Rock / Hard Rock / Psicodelia

Selo: Edsel (reedição de 1983)

Prensagem: United Kingdom  

Lado A: 01. Happenings Ten Years Time Ago / 02. Lost Women / 03. Over, Under, Sideways, Down / 03. The Nazz Are Blue / 04. I Can’t Make Your Way / 05. Rack My Mind / 06. Farewell

Lado B: 01. Psycho Daisies / 02. Hot House of Omagararshid / 03. Jeff’s Boogie / 04. He’s Always There / 05. Turn Into Earth / 06. What Do You Want / 07. Ever Since the World Began

THE YARDBIRDS – ROGER THE ENGINEER (1966) [álbum completo]

THE YARDBIRDS – HAPPENINGS TEN YEARS TIME AGO

THE YARDBIRDS – HAPPENINGS TEN YEARS TIME AGO

THE YARDBIRDS – LOST WOMEN

THE YARDBIRDS – OVER, UNDER, SIDEWAYS, DOWN

THE YARDBIRDS – OVER, UNDER, SIDEWAYS, DOWN

THE YARDBIRDS – THE NAZZ ARE BLUE

THE YARDBIRDS – I CAN’T MAKE YOUR WAY

THE YARDBIRDS – RACK MY MIND

THE YARDBIRDS – FAREWELL

THE YARDBIRDS – PSYCHO DAISIES

THE YARDBIRDS – HOT HOUSE OF OMAGARARSHID

JEFF BECK & STEVIE RAY VAUGHAN – JEFF’S BOOGIE

THE YARDBIRDS – HE’S ALWAYS THERE

THE YARDBIRDS – TURN INTO EARTH

THE YARDBIRDS – WHAT DO YOU WANT

THE YARDBIRDS – EVER SINCE THE WORLD BEGAN

4 Responses to SINISTER VINYL COLLECTION: THE YARDBIRDS – ROGER THE ENGINEER (1966)

  1. Paulo Sacarinni diz:

    Meu Deus, o grupo que deu ao mundo Clapton, Page e Jeff Beck só pode ser o melhor que já existiu, só isso.

  2. sinistersaladmusikal diz:

    Verdade, Paulo! Realmente uma bandaça que abrigou três dos maiores guitarristas de todos os tempos.
    Eu devo ser um cara de sorte, já que assisti shows deles todos.
    Abração

  3. Elias diz:

    Meu Nobre sabes muito que admiro seu blog, mas senti falta de algumas pérolas do The Yardbirds, tambem a minha banda predileta. Não apenas a banda que deu três dos maiores do guitarristas da história, mas pioneira do blues rock (lançando as bases do hard rock/heavy metal), além de precurssora direta do psicodelismo e influencia para maior parte das bandas de garage rock nosa anos 60. Enfim para mim estão faltando os seguintes discos: “Having A Rave Up With With The Yardbirds” (1966) um discaço de Blues Rock assinalando as primeiras incursões psicodélicas dos caras como em “Still I’m Sad” e “Heart Full Of Soul”; “Little Games” (1967) um dos melhores registros do verão de amor com clássicos como a faixa título e “No Excess Baggage”, além dos aos vivos “Five Live Yardbirds” (1964), que entre outros motivos para merecer estar aqui trouxe um versão arrasadora de “Smokestack Lightning” de Howlin’ Wolf e o semipirata “Live Yardbirds Feat. Jimmy Page” (1971) quase um prenúncio do que seria o Led Zeppelin ao vivo. Outra coisa apesar de alguns criicarem o álbum que atende pelo nome “For Your Love” (1965) por seu apelocomercial creio que ele não deva em nada a outros discos da banda em especial pelas geniais covers de “I Wish You Would” e “Good Morning Little Schoogirl”. Parabéns pelo blog, realemnte um dos mais completos em se tratando de musica.

  4. sinistersaladmusikal diz:

    Fala Mr. Elias!
    Cara, The Yardbirds é no mínimo sensacional. Eu curto tanto o período blues rock com Clapton, como a fase mais pop e psicodélica com Jeff Beck, e mais ainda a época do rock + pesado, praticado por influências diretas de Beck e Jimmy Page. Engraçado que mesmo com poucos anos de carreira (1963-1968), a banda deixou uma porrada de registros em gravadoras diversas.
    Desses discos que você citou, só escutei por inteiro os plays Five Live Yardbirds e Having A Rave Up . Eu tenho pelo menos 3 coletâneas da banda, mas ainda corro atrás dos LPs originais. Além do Roger the Engineer , tenho também o disco em parceria com Sonny Boy Williamson (já publicado aqui no Sinister), e ainda o Shapes of Things feat. Jeff Beck. Enfim, The Yardbirds é fodástico!
    É isso aí, meu chapa! Valeu mais uma vez pelas dicas e brigadão pela sua audiência. Sinister rules!
    Abraço

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

<span>%d</span> bloggers like this: