SINISTER VINYL COLLECTION: THE DOORS – THE DOORS (1967)

Artista: The Doors

País: United States 

Álbum: The Doors

Ano de gravação / lançamento: 1966 / 1967

Músicos: Jim Morrison (vocal), Robby Krieger (guitarra), Ray Manzarek (órgão, piano e baixo) e John Densmore (bateria).

Produção: Paul A. Rothchild

Design / fotos: William S. Harvey / Guy Webster (capa) e Joel Brodsky (contracapa) 

Gênero: Rock / Blues Rock / Rock Psicodélico / Acid Rock

Selo: Elektra / K 42012 (EKS 74 007)

Prensagem: Germany

Lado A: 01. Break On Through (To the Other Side) / 02. Soul Kitchen / 03. The Crystal Ship / 04. Twentieth Century Fox / 05. Alabama Song (Whisky Bar) / 06. Light My Fire

Lado B: 01. Back Door Man / 02. I Looked at You / 03. End of the Night / 04. Take It as It Comes / 05. The End

THE DOORS – BREAK ON THROUGH (TO THE OTHER SIDE)

THE DOORS –  BREAK ON THROUGH (TO THE OTHER SIDE)

THE DOORS – SOUL KITCHEN

THE DOORS – THE CRYSTAL SHIP

THE DOORS – THE CRYSTAL SHIP

THE DOORS – TWENTIETH CENTURY FOX

THE DOORS – ALABAMA SONG (WHISKY BAR)

THE DOORS – ALABAMA SONG (WHISKY BAR)

THE DOORS – LIGHT MY FIRE

THE DOORS – LIGHT MY FIRE

THE DOORS – BACK DOOR MAN

THE DOORS – ALABAMA SONG + BACK DOOR MAN + LOVE ME TWO TIMES

THE DOORS – I LOOKED AT YOU

THE DOORS – END OF THE NIGHT

THE DOORS – TAKE IT AS IT COMES

THE DOORS – THE END

THE DOORS – THE END

4 respostas a SINISTER VINYL COLLECTION: THE DOORS – THE DOORS (1967)

  1. hernani valoz diz:

    salve – salve grande marco – meu bolha supremo – mais uma vez por aqui – rapaz esta obra é simplesmente unica – apesar das supostas babaçoes e etc etc que você já deve saber e estar louco pra esquecer – grande disco – trabalho fantastico em um conjunto regular da obra – jim como sempre impecavel – e uma carga maxima de psicodelia e alcoo e poesia (personalissima) que te arrbata na primeira escuta. mais uma vez parabens pela dica e pela coragem de posta-lo com tamanha autoriade.

    vida longa meu nobre

    hernani valoz

  2. sinistersaladmusikal diz:

    Grande Hernani!
    Pô, eu sou The Doors desde criancinha e não vai ser agora, depois de décadas de pesquisas musicais, que eu vou cuspir no prato que eu comi.
    Por mais que eu descubra novas bandas, novos sons, não consigo enjoar do som dos caras. Maior prova foi hoje ao editar o blog com material deles. Depois de um bom tempo sem escutar os discos do grupo, notei que Jim Morrison e sua trupe continuam fazendo a alegria deste bolha sinistro. Ou senão, vejamos: “Break On Throught”, “Love Me Two Times”, “People are Strange”, “When the Music’s Over”, “Spanish Caravan”, “Five To One”, “Touch Me”, “Roadhouse Blues”, “Riders On the Storm”, “Waiting for the Sun”, “L.A. Woman”… ô loco, só sonzeiras! Não dá pra não gostar disso. Chego a uma conclusão, caro Hernani: quem não gosta de The Doors bom sujeito não é… é ruim da cabeça ou então Zé Mané… hehe.
    Valeu pelo comentário, sumido.
    Abraço

  3. hernani valoz diz:

    caro bolha marco – não discordo de você em nada – the doors all the best – great for a long long time – agora entrando em um terreno pantanoso – e o seu “porco” – só me fez passar raiva 3 pagar umas brejas a mais – ô time FEIO – se bem que o meu este ano só foi decepção – estou disposto a abandonar o esporte bretão de vez – cada vez o desgosto aumenta mais….
    vida longa – grande abraço

  4. sinistersaladmusikal diz:

    Então tá, Hernani! The Doors é bacana e estamos conversados. Taí uma paixão antiga que ainda hoje me dá alegria. Já do Palestra, não posso dizer o mesmo. É uma paixão antiga, mas que hoje em dia só me dá agonia. Essa desclassificação da Sul-Americana diante do rebaixado Goiás foi de doer! Que dureza!
    Meu amigo, não é fácil o torcedor palmeirense aturar por anos a fio, diretores amadores e incompetentes – tanto os velhacos caquéticos da situação, quanto as múmias paralíticas da oposição – conduzindo o Verdão como se fosse um boteco de esquina. O que se vê são brigas políticas infindáveis, total falta de planejamento nas ações, contratações equivocadas de técnicos e jogadores, dinheiro e títulos jogados no lixo… uma vergonha!
    E estou como você, disposto a parar de acompanhar o futebol aqui no Brasil. É sério! Esses campeonatos de cartas marcadas, esse entrega, não entrega jogo, é mala preta daqui, é mala branca de lá, os péssimos juízes aparecendo mais do que os jogadores com seus erros absurdos… pô, isso tudo desanima pacas!
    Sem falar da imprensa esportiva brasileira – em sua grande maioria, palhaços conduzindo el picadeiro.
    Mas deixa pra lá. Pelo menos o seu Mengão escapou do rebaixamento, caro Hernani. Já tá de bom tamanho… hehe.
    Abraço

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: