DE ROLÊ NO ANTRO-BOLHA #1: BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU

É fim de mês! É quando este bolha caquético e rastejante publica aqui no Sinister Salad Musikal alguns discos do acervo sinistro. E como sou um cara legal, socializei os 5 primeiros álbuns da Banda de Pífanos de Caruaru, o célebre conjunto de música regional do Nordeste brasileiro que conduz as suas instrumentações à base de pífanos e percussão, guiadas pelo cancioneiro folclórico local. 🎶

Com raízes no sertão de Alagoas, a banda criada em 1924 por Manuel Clarindo Biano se estabeleceu em Pernambuco, difundindo a cultura nordestina e a tradição da Zabumba Cabaçal, cultivada ao longo de décadas pela família Biano. De fato, nota-se que os integrantes mais jovens que compõe novas formações do grupo, são todos filhos e sobrinhos dos primeiros fundadores. 🎶

Nestes 5 álbuns (lançados entre 1972 e 1980 por 3 selos diferentes) a formação manteve-se a mesma: Sebastião Biano (1º pífano e vocal), Benedito Biano (2º pífano e vocal), Amaro Biano (surdo e vocal), João Biano (zabumba e vocal), Gilberto Biano (tarol e vocal) e José Biano (pratos e vocal). 🎶

Mesmo sendo uma família musical que veio, através de décadas, conquistando o reconhecimento popular no NE, é deveras que a projeção nacional aconteceu nos anos 70 quando Gilberto Gil e Caetano Veloso gravaram “Pipoca Moderna”, música de Sebastião Biano (mestre que hoje está com 103 anos de idade e ainda participa do grupo). Gil a incluiu no álbum “Expresso 2222”, de 1972; e Caetano fez uma letra e a inseriu no disco “Joia”, de 1975. A partir daí as portas das gravadoras e do mercado de shows se abriram consideravelmente para a trupe. Hoje, podemos dizer que é um dos grupos instrumentais mais antigos e tradicionais do Brasil. 🎶

Reza a lenda que tocaram suas composições até mesmo para Lampião e o seu bando. Eu não duvido! Tão corajosos e admirados musicalmente até por cangaceiros, não dá para negar que eles são verdadeiramente os “cabras da peste” da música brasileira, hehe. Vixe! Calma lá… é só brincadeira, hein! Buenas, vou parar com essa fuleragem e, mais uma vez, escutar estas pérolas vinílicas. Castiga! ❤️🎶✌️

SINISTER VINYL COLLECTION: BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – A BANDINHA VAI TOCAR (1980)

Artista: Banda de Pífanos de Caruaru

País: Brazil 

Álbum: A Bandinha Vai Tocar

Ano de gravação / lançamento: 1980

Músicos: Sebastião Biano (1º pífano e vocal), Benedito Biano (2º pífano e vocal), Amaro Biano (surdo e vocal), João Biano (zabumba e vocal), Gilberto Biano (tarol e vocal) e José Biano (pratos e vocal).

Produção: Discos Marcus Pereira / direção artística: Marcus Vinicius / direção de produção: José Milton / engenharia de som: Sérgio Jovine e Ronaldo Galvão

Capa: Anibal Lopez Monteiro

Gênero: Ritmos Regionais Brasileiros / Baião / Frevo / Forró / Coco / Marchinha

Selo: Discos Marcus Pereira / MPL 9415

Prensagem: Brazil 

Lado A: 01. A Bandinha Vai Tocar / 02. Galope / 03. Um de Cada Vez / 04. Baiano da Viola / 05. São João do Carneirinho / 06. De Alagoas à Pernambuco

Lado B: 01. Bianada na Roça / 02. Feira de Mangaio / 03. Pega Pra Capá / 04. Forró em Limoeiro / 05. Maxixando / 06. Saudades de Caruaru

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – A BANDINHA VAI TOCAR (1980) [álbum completo]

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – A BANDINHA VAI TOCAR

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – GALOPE

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – UM DE CADA VEZ

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – BAIANO DA VIOLA

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – SÃO JOÃO DO CARNEIRINHO

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – DE ALAGOAS À PERNAMBUCO

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – BIANADA NA ROÇA

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – FEIRA DO MANGAIO

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU & MARIANA AYDAR – FEIRA DO MANGAIO (2011)

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – PEGA PRA CAPÁ

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – FORRÓ EM LIMOEIRO

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – MAXIXANDO

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – SAUDADES DE CARUARU

SINISTER VINYL COLLECTION: BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU (1979)

Artista: Banda de Pífanos de Caruaru

País: Brazil 

Álbum: Banda de Pífanos de Caruaru

Ano de gravação / lançamento: 1979

Músicos: Sebastião Biano (1º pífano e vocal), Benedito Biano (2º pífano e vocal), Amaro Biano (surdo e vocal), João Biano (zabumba e vocal), Gilberto Biano (tarol e vocal) e José Biano (pratos e vocal).

Arranjos: Banda de Pífanos de Caruaru

Produção: Discos Marcus Pereira / direção artística: Marcus Vinicius / produção executiva: José Milton

Capa: Anibal Lopez Monteiro (layout) e Abril Press (fotografia)

Gênero: Ritmos Regionais Brasileiros / Baião / Frevo / Forró / Coco / Marchinha

Selo: Discos Marcus Pereira / MPL 9394

Prensagem: Brazil 

Lado A: 01. Vira-Folha / 02. Pipoquinha / 03. A Briga do Cachorro com a Onça / 04. Marcha dos Bacamarteiros / 05. Xamego dos “Pife” / 06. Feira do Troca-Troca

Lado B: 01. As Espadas / 02. Pipoca Moderna / 03. Os Tupinambás / 04. Cavalinho Cavalão / 05. Valsa da Pastora / 06. Alvorada / 07. Novena (a. Só de Deus Vou me Lembrando / b. Para o Povo Apreciar / c. Santo Guerreiro / d. Jesus Respondeu na Cruz / e. Leilão / f. Baiano da Arrematação)

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU (1979) [álbum completo]

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – VIRA-FOLHA

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – PIPOQUINHA

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – A BRIGA DO CACHORRO COM A ONÇA

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – FEIRA DO TROCA-TROCA

SEBASTIÃO BIANO – PIPOCA MODERNA (2015)

BANDA DE PÍFANOS DE CARUARU – CAVALINHO CAVALÃO